terça-feira, 9 de outubro de 2012

"Mudar o mundo, amigo Sancho, não é loucura, nem utopia... É justiça!" (Miguel Cervantes)

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Sempre estamos em uma correria, mas nunca saímos do lugar!

sábado, 4 de agosto de 2012

a realidade é uma brutalidade




fato...

terça-feira, 17 de julho de 2012

Quem pode garantir que não estou sonhando enquanto vivo e vivendo enquanto sonho?

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Nossos retratos refletem aquilo que somos, naquele momento...
Somos movimento. Não sou mais aquele que escreveu a primeira letra desse texto...

sábado, 9 de junho de 2012

Vou abrir o verbo


ESTÁ FRIO DE MAIS!




Mas vendo pelo lado bom, há calor humano de sobra neste mundo.
Mas pensando bem, o frio que faz não é, e nunca será, o suficiente para despertar o calor no coração de algumas pessoas.
Mas sendo otimista, prefiro pensar que estas pessoas são uma em um bilhão.
Mas sendo realista, melhor tomar uma atitude do que esperar para ver.

Doar calor é doar carinho, respeito, consideração...

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Entender a sociedade é fácil. O difícil é fazer com que a sociedade te entenda.

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Me

Cada vez é mais fácil o papel de (me) fazer perguntas.
Mas chego a um ponto de (me) questionar se realmente todas as perguntas refletem os (meus) dilemas?
Então (me) pergunto qual seria a pergunta?


E embora pareça loucura a resposta já está pronta. Mas sem a pergunta, ela não tem sentido...

terça-feira, 24 de abril de 2012

Urgente?



O que é realmente urgente na sua vida?
Já parou para pensar nisso?

São seus filhos? Seus pais? Namorada?
Ou é seu emprego? Seus estudos?
Pode ser sua religião? Seu partido? Movimento?

Qual valor que você se dá?
Ou você apenas continua?

Tem horas, que as horas não passam...

domingo, 8 de abril de 2012

A ela


A ela,
dedico meus sonhos,
coloco minhas orações,
agradeço pela companhia.

Por ela,
abro meu coração,
mostro meu lado sensível,
demonstro todo o afeto.

Com ela,
fico feliz com um gesto,
viajo por sentimentos imprevisíveis,
sinto a pureza de um sentimento.

Sem ela, sorrio sozinho,
penso no próximo encontro,
planejo o futuro.

É ela,
a quem amo.


terça-feira, 13 de março de 2012

A primavera traz flores,

o verão traz calores,

o outono, sabores,

e o inverno, amores...

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Medusa

Ao avistá-la no horizonte, uma estranha sensação lhe faz querer chegar mais perto.
Quando se aproxima dela seu coração bate mais forte. Você estranhamente quer muito abraçá-la.
Você a vê de frente e só pensa em estar ao seu lado o resto da vida.
Quando os olhos se encontram você já não tem mais controle.
Você está hipnotizado e nunca mais pretende sair do lado dela.

Pelo menos não enquanto o pote de perfume estiver cheio...

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Sentir


Quando uma simples palavra já não define o que você sente...
Quanto um olhar fala mais do que uma palavra...
Quando um gesto demonstra o que você sente...

...você consegue compreender melhor a palavra amor!

domingo, 12 de fevereiro de 2012

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Cópia



Você teima em ser alguém.
Teima em imitar alguém.

Você se torna!

E no final, não é ninguém...



terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Simples assim


No escuro um brilho.
No brilho a esperança.

Foi quando tudo desapareceu, que percebi a luz.
Foi quando perdi, que encontrei.

Natureza simples.
Confusão de certezas.

Paralelas.
Cruzamentos...

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

PARO!

Então você percebe que não pode mudar o mundo...

Paroooo tudo! Quem começa um texto assim? Qualé que é mermão? Dane-se a gramática e o jeito de escrever. Quero é mais saber de mudar essas paradas sinistras! Não vo descansa não. Aqui não tem maria mole não. Bora lá pra baixo começar a remexer os esqueleto.

Quem promove a mudança é o povo. Letrado ou não. Não é preciso saber dividir números com vírgulas ou diferenciar mais de mas. A cultura, o conhecimento, a vontade, a força... É o povo que dá as cartas e que decide o futuro. Pessoas extraordinárias inventam coisas e ficam ricas. Pessoas comuns se viram e ajudam a mudar o mundo.

E fica um aviso. Você, extraordinário, não passa de mais um! Então se junte as pessoas comuns... E vamos mudar o mundo!







e 25 anos antes... "Sim mãe já vou!"

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Teletransporte

Não entendo como ainda não inventaram o Teletransporte. Uma máquina que pudesse economizar tempo e dinheiro a todos. Você mora em um lugar e trabalha, estuda ou se diverte em qualquer outro. É apenas escolher o destino e “voilá”. Horas de trânsito? Dinheiro para combustível? Emissão de CO2? Isso seria coisa do passado. Se sua mãe gosta de morar na praia, você pode morar na serra e vir almoçar na casa dela todo dia. Que tal?

Entretanto tem uma função que me faz querer ainda mais um teletransporte. Poder, em um piscar de olhos, dar um abraço de boa noite e um beijo em alguém. Isso não tem preço. Talvez, assim, a palavra “saudade” se perderia. E essa pressão que me aperta tantas vezes o peito, seria apenas uma vaga lembrança.